Artigo Agosto 2021 – Estilos de Liderança e Maturidade – Estilo de Liderança 2

Artigo Julho 2021 – Estilos de Liderança e Maturidade
12 de julho de 2021
Artigo Setembro 2021 – Estilos de Liderança e Maturidade – Estilo de Liderança 3
3 de setembro de 2021
Mostrar Tudo

Situational – Artigo agosto 2021

O modelo Liderança Situacional® ajuda os líderes a adequar seu comportamento de acordo com o nível de maturidade (combinação de competência e motivação) dos liderados para cada tarefa específica. Como o modelo trabalha com quatro níveis de maturidade – M1 (baixo), M2 e M3 (moderados) e M4 (alto) – também são quatro os estilos de liderança: estilos E1, E2, E3, e E4. Para cada nível de maturidade, um estilo de liderança será mais eficaz.

No artigo anterior, tratamos do estilo de liderança E1 – Determinar. Neste, vamos tratar do estilo de liderança E2 – Persuadir, que é o mais eficaz com pessoas com nível de Maturidade 2 (M2) para a tarefa a ser realizada. Boa leitura!

O estilo de liderança E2 – Persuadir e sua aplicabilidade

O estilo de liderança E2 – Persuadir é mais eficaz quando usado com pessoas que apresentam grau de maturidade M2 (relativamente capazes e entusiasmadas) para realizar uma tarefa específica. Estas pessoas demonstram algum conhecimento sobre a tarefa e entusiasmo para executá-la. No entanto, não possuem, ainda, a capacidade e as habilidades necessárias para assumir a responsabilidade pela execução da tarefa sozinhas. Precisam de orientação, direção, apoio e acompanhamento.

Ao adotar o estilo de liderança E2 – Persuadir, o líder vai praticar escuta ativa, ouvir o que o liderado tem a dizer e avaliar até que ponto ele conhece a tarefa. Haverá uma interação maior, uma comunicação bilateral entre líder e liderado. Nesta situação, o líder deverá ter uma atuação didática, cuidadosa, explicando, com paciência, por meio de exemplos, demonstrações e simulações, as vantagens e a necessidade de realizar a tarefa segundo as instruções, bem como deixar claro quais resultados são esperados. Daí deriva o nome do estilo de liderança E2: o líder deve PERSUADIR o liderado, fazendo com que o mesmo entenda suas explicações, garantindo que a tarefa será realizada exatamente da maneira como deve ser feita. Ao liderado, não devem restar dúvidas em relação à sua execução. Quando não recebe a ajuda e a direção necessárias, o liderado poderá realizar a tarefa à sua própria maneira, o que poderá causar retrabalho.

Importante ressaltar que o líder deve ser hábil neste trabalho de convencimento, aproveitando e redirecionando o entusiasmo e a energia do liderado para a execução da tarefa, apoiando-o em seu desenvolvimento. Por isso o estilo de liderança E2 – Persuadir – requer tempo, paciência, escuta ativa, troca e diálogo. Nas reuniões de acompanhamento, que devem acontecer a cada dois ou três dias, o líder deve, a cada acerto, sinalizar que o liderado está no caminho certo e corrigir as prováveis falhas, garantindo que a tarefa seja executada de acordo com as instruções transmitidas.

 

 

 

Ao utilizar o estilo de liderança E2 – Persuadir, o líder ouve, dialoga, avalia o conhecimento, explica, demonstra, dá exemplos, fazendo o liderado entender a importância de seguir as orientações.

Cuidados no uso do E2

Quando o estilo de liderança E2 – Persuadir – é usado de maneira inadequada, o líder pode se tornar uma pessoa manipuladora que, ao invés de persuadir por meio de exemplos e demonstrações, convence que o seu jeito de realizar a tarefa é o único e o melhor, fazendo com que sua ideia prevaleça. Desta forma, não desenvolve sua equipe pois, sem comunicações bilaterais, as ideias dos liderados são abafadas. Nesta situação, o líder usa muito do seu tempo para convencer continuamente as pessoas a realizar o trabalho do jeito que ele próprio (líder) o faria.

Conclusão

Conforme as pessoas aprendem, crescem e se desenvolvem, deve haver um ajuste no comportamento do líder. Caso contrário, o estilo de liderança pode se tornar pouco eficaz no novo cenário. Ao adotar o estilo mais eficaz para cada situação, líderes situacionais aceleram o desenvolvimento de seus liderados, aumentam os níveis de engajamento das equipes e conduzem mudanças de comportamento, criando um ciclo virtuoso de crescimento e alcance dos resultados!

Por isso o modelo permanece atual.  Por que ele é situacional!

Quer conhecer melhor o modelo e ampliar sua eficácia de liderança? Entre em contato conosco!

www.situational.com.br